logo comece 2024 easy

Conheça a inteligência artificial que lê publicações

Inteligência Artificial de verdade, que lê publicações, fornece resumo, recomenda ações e sugere o prazo aplicável.

Blog

[MODELO] Contestação à Ação de Separação Litigiosa – Pedido de Manutenção da Convivência do Casal

Separação Litigiosa c/c Pedido de Fixação de Alimentos Provisionais – Contestação

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA …… VARA DE FAMÍLIA DA COMARCA DE ……………………………

(10 LINHAS)

Autos do processo nº ……………………………

(5 LINHAS)

…………, (nacionalidade), (profissão), (estado civil), portador da Carteira de Identidade RG nº ….., inscrito no CPF/MF sob o nº …., residente e domiciliado na rua …….., nº ….., bairro ……., cidade ……, no Estado de …….. CEP ……., por seu procurador infra-assinado, mandato anexo, vem respeitosamente à presença de Vossa Excelência, nos autos da ação ordinária de separação judicial que lhe move sua mulher, oferecer

CONTESTAÇÃO

tendo em vista a preliminar, os fatos, fundamentos jurídicos, provas e o pedido que se seguem:

PRELIMINARMENTE

[Especificar a preliminar a ser argüida].

A solução que se impõe é a extinção do processo, por força dos dispositivos legais ora invocados, o que se requer com a condenação às custas processuais e honorários de advogado que Vossa Excelência arbitrar.

Admitindo-se, para efeito de argumentação, que às preliminares invocadas seja negado provimento, ainda assim é de ser julgada improcedente a ação pois, no mérito:

DO MÉRITO

A demandante intentou a presente ação sob alegação de que, tendo sofrido maus-tratos pelo suplicante, tornou-se insuportável a vida conjugal, razão pela qual se transferiu para a residência de seus progenitores, levando consigo os filhos menores do casal, pois "tal procedimento do Requerido, muitas vezes agressivo, tornou-se insuportável, colocando em perigo a vida e a segurança física da Requerente e da menor em questão".

Alega a Autora que o Requerido está sob o vício da embriaguez, jogo e prostituição , em vista dessa circunstância, tem demonstrado total irresponsabilidade, fazendo constantes ameaças à Requerente e a seus filhos.

Começando pelo exame das alegações da Autora, vê-se que é totalmente descabida e infundada a pretensão desta, isto porque é alicerçada em inverdades, roboradas, data maxima venia, pela mente imaginosa de seus ilustres patronos.

O cônjuge varão sempre fez de tudo para sua família sendo que é contra a separação, pois entende que o relacionamento pode ser reconstruído.

A atitude da demandante, sem dúvida, resultará em graves prejuízos morais para a menor, carecedora ainda dos cuidados e carinhos dos litigantes.

DO PEDIDO

Destarte, a ação deve ser julgada improcedente, mantendo-se assim a convivência do casal, sendo que o cônjuge varão se propõe a participar de terapia de casais no intuito de manter sua família;

Requer provar o alegado com o depoimento pessoal da demandante e de familiares, cujos nomes serão arrolados oportunamente, juntada de documentos e demais meios de prova em lei admitidos (perícias, expedição de ofícios, etc.).

Nesses termos, com a juntada dos documentos anexos,

Pede deferimento.

(autor aberto a conciliação data e ano).

(Nome e assinatura do advogado).

(OAB/UF)

Faça o Download Gratuito deste modelo de Petição

Compartilhe

plugins premium WordPress
Categorias
Materiais Gratuitos