logo mes do consumidor

30% OFF nos planos

+ 20% OFF na implantação estratégica

Para aproveitar o ÚNICO SOFTWARE JURÍDICO com IA de verdade

Blog

[MODELO] Aspectos e tipos da coisa julgada: conceito, classificação formal e material

SIGNIFICADO E CLASSIFICAÇÃO DA COISA JULGADA

É a decisão final da qual não cabe mais nenhum recurso, e assim o é com a finalidade de promover a segurança jurídica. Vale lembrar que a justiça sempre estará em conflito com a segurança jurídica, pois para alcançar aquela seria ideal rediscutir a matéria quantas vezes fosse necessário. Entretanto, para que a segunda exista, é preciso criar um limite de vezes que o conteúdo do processo pode ser analisado.

Coisa julgada formal e material: esta, provém de decisão definitiva (de mérito) que se propaga para fora do processo; aquela, para as decisões endoprocessuais que estejam impossibilitadas de recurso. O principal efeito de uma decisão de mérito é a impossibilidade da reforma do provimento judicial, seja no mesmo processo ou em outro. Verifica-se assim que não se pode submeter à mesma demanda ao judiciário, diferentemente da coisa julgada formal. Esta, só tem eficácia dentro do processo em que surgiu e, por isso, não impede que o tema volte a ser agitado em nova relação processual.

Faça o Download Gratuito deste modelo de Petição

Compartilhe

plugins premium WordPress
Categorias
Materiais Gratuitos