Importação de Processos

A ferramenta de importação de processos deve ser utilizada para realizar um cadastro em massa. Caso tenha uma nova carteira de processos de um cliente específico, é extremamente recomendado que se utilize essa ferramenta, pois dessa forma você já consegue garantir uma base de processos consolidada.

Você verá neste artigo

Como ativar e desativar a ferramenta

Para habilitar a importação de processos, é necessário acessar o módulo de Configurações > Informações e segurança:

#1


Em seguida, logo abaixo na seção de configurações do sistema, você irá localizar a opção de “
PERMITIDO IMPORTAR PROCESSOS”. Dessa forma você consegue definir se essa ferramenta estará disponível aos usuários do seu escritório ou não.

#2

Onde utilizar

Para importar seus processos, acesse o módulo de Processos e Casos, e no canto superior direito estará localizado o botão de importar conforme captura de tela abaixo:

#3


Ao clicar, será mostrado a seguinte tela para você:

#4


Como utilizar e modelar os dados

Na janela de importação teremos algumas orientações que estarão expondo como funciona a ferramenta. Abaixo estão algumas opções extremamente importantes, sendo elas

  • Arquivo Modelo: O arquivo de modelo possui uma planilha de exemplo a qual deverá ser preenchida, respeitando o posicionamento das colunas e dados dos campos.
  • Arquivos de Apoio: Esses são os arquivos chaves para que você consiga realizar a importação de processos, ao realizar o download, serão exportados 3 arquivos, sendo a planilha que irá conter a nomenclatura dos tribunais, ritos, fases do processos, ações e respectivos IDs. Outras duas planilhas irão conter os usuários e pessoas do seu escritório, também com os respectivos IDs.
#5



#6


Muito bem, com o arquivo modelo em mãos você começará o preenchimento, na primeira coluna você irá se deparar com o campo de número do processo, e em outras colunas como exemplo: rito, id_advogado, id_contrário você não irá preencher com textos, e sim com os IDs do nosso material de apoio, se lembra?

No exemplo abaixo, a planilha foi  preenchida com textos, porém está incorreto, o sistema não fará a importação com os textos nos campos que deveriam estar preenchidos com IDs:

#7



#rito


No campo id_advogado, iremos consultar o material de usuários, logo:

#advogado



#advogado


No campo tribunal:

#8



#tribunal


Ao substituir todos os textos pelos IDs respectivamente, teremos um resultado como:

#9


Perceba que nos lugares onde haviam textos como o rito, advogado e tribunal, foram substituídos pelos IDs, e assim temos uma planilha válida para o sistema.

Lembre-se sempre de seguir o modelo de exemplo para que você consiga terminar de preencher o cadastro de todos os seus processos.

Qualquer dúvida entre em contato com nosso suporte técnico!