Como abrir um escritório de advocacia de sucesso

Indicadores de desempenho: saiba como implementar no seu escritório de advocacia
December 11, 2017
Como aprimorar o seu escritório de advocacia
March 7, 2018
Show all

Como abrir um escritório de advocacia de sucesso

Do burocrático ao estratégico – como abrir um escritório de advocacia de sucesso

Saber como abrir um escritório de advocacia é essencial para criar um negócio competitivo e que perdure no mercado. A verdade é que hoje, em meio a canta concorrência na área jurídica, é essencial elaborar um bom plano e executá-lo com eficácia.

Abrir o escritório envolve diversas etapas, algumas burocráticas e outras estratégicas. É preciso definir a localização, analisar o mercado no qual irá atuar, realizar projeções financeiras, contratar mão de obra qualificada, além de resolver as questões burocráticas.

Pensando em tudo isso, criamos um guia para você. Nele, vai descobrir como abrir um escritório de advocacia de sucesso, que gere lucro e se mantenha por muitos anos no mercado. Confira!

Avalie o seu perfil como empreendedor

O escritório envolve investimentos de tempo e dinheiro do advogado, além de envolver riscos operacionais. É possível, por exemplo, que não se tenha o retorno financeiro desejado.

Por essa razão, em primeiro lugar, é importante avaliar se possui o perfil de empreendedor ou se não é melhor seguir carreira em escritórios já estabelecidos ou prestar concursos públicos.

Você é uma pessoa que gosta de segurança ou sabe correr riscos? Gosta de um salário fixo ou prefere ser remunerado por sua produtividade. Essas questões são essenciais!

Também é possível contar com a ajuda da tecnologia. A Endeavor Brasil, organização sem fins lucrativos, possui um Quiz para identificar o seu perfil empreendedor.

Monitore o mercado onde irá atuar

Alguns mercados estão realmente saturados de escritórios, sendo quase impossível estabelecer um novo negócio e obter o lucro desejado. Por isso, é importante analisar o mercado.

O mercado de um escritório de advocacia é composto pelas pessoas, empresas e governo que demandam determinados serviços jurídicos.

Segundo relatório da Fenalaw, maior feita para o mercado jurídico da América Latina, o mercado jurídico movimenta cerca de R$50 bilhões anualmente, mas a concorrência também é grande — nos últimos 11 anos, o número de advogados cresceu em 80%.

Todos esses fatores devem ser analisados, identificando se é realmente viável abrir um escritório ou se compensa mais se associar a um empreendimento já existente.

Para realizar uma análise mais específica, é importante contar com a ajuda da OAB e obter dados da região onde pretende estabelecer o escritório.

Solucione as demandas burocráticas

Como é de se esperar, há alguma burocracia para abrir um escritório de advocacia e é preciso encarar essa realidade para dar início ao empreendimento.

Antes de qualquer coisa, é importante salientar que para ser titular de um escritório é preciso ter sido aprovado no exame da Ordem dos Advogados Brasileiros (OAB).

O segundo passo é escolher o nome que será usado e avaliar sua disponibilidade. Para tanto, basta acessar o site do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

Ainda deve-se buscar o CNPJ, uma etapa um pouco mais complexa. Para isso, é preciso ter o termo de constituição da empresa, registrar-se na junta comercial, na prefeitura do Município sede e solicitar o CNPJ junto a Receita Federal.

Para outros desdobramentos burocráticos, como a escolha da forma jurídica mais adequada ou do regime tributário, é realmente importante buscar um contatar de confiança.

Defina a melhor localização comercial

A localização é um dos principais pontos do composto de marketing. O lugar correto é ideal para se destacar de outros escritórios e até atrair clientes.

É interessante estar instalado próximo a outros escritórios ou em lugares onde possa oferecer “serviços complementares”. Para um negócio que trabalha com direito penal, é interessante estar próximo a uma delegacia, por exemplo.

Ao identificar o ponto ideal, ainda é necessário ter atenção à sua estrutura. Pontos antigos podem render mais trabalho — e custos — que o normal, considere isso na negociação.

Busque por mão de obra qualificada

Ninguém constrói um escritório realmente grande e bem-sucedido sozinho, é preciso de uma equipe talentosa e motivada para entregar bons resultados.

O tamanho da equipe vai variar bastante de acordo com a demanda por serviços. Basicamente, além do advogado empreendedor, é preciso de associados e de uma auxiliar administrativa.

O recrutamento e seleção de talentos envolvem diversas etapas. É possível terceirizar essa atividade para uma agência especializada ou colocar a “mão na massa”, recrutando e selecionando os profissionais que tenham as competências desejadas.

É muito importante que os profissionais contratados tenham valores próximos aos que deseja estabelecer no escritório de advocacia, essa técnica é chamada de Fit Cultural.

Realize projeções financeiras

Na hora de abrir um escritório, é fundamental realizar projeções financeiras para o curto, médio e longo prazo, avaliando se o negócio oferece o retorno desejado.

Esse cálculo pode ser feito por meio de um indicador-chave de desempenho conhecido como ROI (do inglês: Return On Investment). Dessa maneira, é possível ter uma visão sistêmica.

Ainda é importante gerenciar o lucro do escritório, garantindo que custos não estratégicos sejam eliminados ou reduzidos significativamente — permitindo uma maior margem de lucro.

Uma boa gestão financeira, desde o início do processo de abertura do escritório, é crucial para garantir sua sobrevivência em longo prazo e rentabilidade.

Selecione o software de gestão que será usado

Há uma grande quantidade de processos que precisam ser gerenciados, assim como compromissos e reuniões. Para tanto, não basta confiar em agendas ou planilhas digitais.

Deve-se ter um sistema de gestão que simplifique o fluxo de processos mensais, ajude a gerenciar as petições e outros recursos do escritório.

Além disso, com um bom sistema, é possível manter um cadastro atualizado dos clientes, definir metas inteligentes, fazer o controle financeiro e comercial do empreendimento.

Para escolher o melhor sistema, deve-se avaliar a reputação da plataforma, o número de clientes que ela já atende e, se possível, realizar um teste gratuito para avaliar as funcionalidades.

Se faz cada vez mais importante digitalizar os processos do escritório, deixando de lado práticas obsoletas ou que demandem tempo demais para execução. Assim, é possível aumentar a produtividade e a competitividade.

Como se pode observar, existem muitos passos entre o burocrático e o estratégico, sendo indispensável considerá-los para a formulação de um negócio de sucesso. A construção de um escritório bem-sucedido começa com um bom plano, então não deixe o assunto de lado.

Agora sabe como abrir um escritório de advocacia de sucesso, certo? Aproveite para continuar aprendendo. Leia nosso artigo “Indicadores de desempenho: saiba como implementar no seu escritório de advocacia”. Vamos lá!

QUER FAZER PARTE DA ADVOCACIA DO FUTURO?

Solução completa para gestão do jurídico inteligente

Clique aqui para falar pelo WhatsApp!

Ou ligamos pra você :D